Entrar

Esse conteúdo é exclusivo para assinantes do programa.

TERAPIA NUTRICIONAL EM CUIDADOS INTENSIVOS

Autores: Andréia Martins Specht, Deborah Hein Seganfredo, Franciele Anziliero, Mariur Gomes Beghetto, Sílvia Fátima Ferraboli, Sofia Louise Santin Barilli
epub-BR-PROENF-TI-C7V4_Artigo1

Objetivos

Ao final da leitura deste capítulo, o leitor será capaz de

 

  • conceituar nutrição enteral (NE) e nutrição parenteral (NP);
  • definir terapia nutricional precoce;
  • identificar contraindicações para início da terapia nutricional;
  • listar cuidados de enfermagem necessários a pacientes críticos em terapia nutricional enteral (TNE) e parenteral.

Esquema conceitual

Introdução

O suporte nutricional engloba o fornecimento de calorias, proteínas, eletrólitos, vitaminas, minerais, oligoelementos e fluidos por via enteral ou parenteral. A desnutrição hospitalar é considerada um grave problema de saúde, que afeta a morbidade, a mortalidade e os custos da assistência.1 Especialmente em pacientes críticos, a terapia nutricional assume um papel de destaque como terapia de suporte capaz de melhorar os desfechos dessa população,2 exigindo que os enfermeiros adquiram conhecimentos sobre sua instituição e manutenção.

Neste capítulo, serão abordados conceitos essenciais da TNE e parenteral relevantes para enfermeiros intensivistas, bem como aspectos básicos da avaliação nutricional, do seu início precoce e da monitoração da terapia nutricional.

×